Extintores de incêndio

A proteção contra incêndio é um assunto muito pouco conhecido pelo lojista, o que se sabe apenas é que devemos ter os extintores distribuídos na loja ou escritório. Neste artigo, vamos mostrar muitos outros assuntos importantes que tornam o extintor um item indispensável para sua empresa e que devem ser monitorados ativamente.

O que regulamenta a obrigatoriedade do extintor é a Instrução Técnica do Corpo de Bombeiros nº21/2019, atendendo a um decreto estadual nº 63.911/18.

A instrução técnica nº21/2019 fala sobre os critérios para proteção contra incêndios [extintores] em edificações e áreas de risco [atividade econômica]. Ou seja, não é só prédio residencial ou empresarial e shopping que devem ter esse tipo de sistema de proteção. Mas também empresas de todos os segmentos.

Já entendemos que toda empresa tem a responsabilidade de ter um sistema de combate a incêndios, mas quantos extintores eu devo ter na minha empresa?

A instrução técnica nº 21/2019 responde no seu item 5.2.1.5 ”Todos os pavimentos devem ser protegidos por, no mínimo, dois extintores…”.

Para cada andar de um local, deve ter pelo menos dois extintores.

Claro que para toda regra temos sua exceção. Se o pavimento ou andar for muito grande ou tiver algum equipamento com risco elevado de incêndio deve ser considerar a carga de incêndio [O que está no ambiente e que pode pegar fogo, para aumentar a quantidade de extintores no combate ao incêndio].

O que eu preciso saber do extintor?

Todo extintor deve estar lacrado e possuir selo de conformidade concedida pelo Inmetro.

O Inmetro é quem regula e fiscaliza as empresas que realizam as recargas anuais dos extintores. E também estabeleceu mecanismos de segurança no extintor para inibir as fraudes e/ou adulterações.

Um dos mecanismos para saber se o extintor esta na validade ou não é a cor do seu anel de identificação. O mesmo deve seguir um padrão de cores, para cada ano é uma cor diferente. Para esse ano de 2020 está firmada a cor VERDE. A Norma ABNT NBR 7195 – Cores para segurança. Que determina a cor dos anéis até 2025.

As recargas devem ser feitas anualmente, para atender essa regra, a empresa deve realiza-las em uma empresa certificada pelo Inmetro.

A empresa que vai realizar a recarga, deve deixar a disposição 50% de extintores como reservas até a conclusão do processo de recarga dos equipamentos da empresa.

A instrução técnica nº17/2019, mostra como deve ser a composição mínima para uma empresa e como deve ser o treinamento de empregado.

Se a empresa ficar em um prédio ou um shopping, o responsável pelo treinamento de brigada será a administradora do local. Fique ligado e cobre a administradora do seu prédio ou shopping para que um colaborador participe, assim a empresa atenderá o que pede o Corpo de Bombeiros. Se a empresa ficar em um ponto comercial, a responsabilidade de treinar o colaborador sobre o uso do extintor passa a ser da empresa.

Fontes:
Portaria n.º 534, de 20 de novembro de 2018. (http://www.inmetro.gov.br/legislacao/rtac/pdf/RTAC002546.pdf)
http://www.corpodebombeiros.sp.gov.br/